Paulinho Moska e o seu amor pela vida através de sua voz e violões

No show da turnê, realizado no Vivo Rio, o artista toca os violões preferidos e faz a plateia viajar. A gente adora Paulinho Moska e acompanha a carreira do músico desde sempre. E foi prazeroso saber que a turnê de Violoz reafirma a consagração de um artista com anos de estrada. Ele se deu o direito de optar por uma carreira na qual alternava os seus espetáculos ora com banda ora com violão e voz. Mas, agora, em Violoz, Paulinho Moska resolveu levar não apenas um, mas vários de seus violões preferidos. O resultado? Uma viagem deliciosa para quem confere os dotes do artista no palco.

showvioloz02

Aos detalhes: Paulinho levou um violão com cordas de nylon, um violão com cordas de aço, um violão barítono (afinado em Si), um violão híbrido (violão guitarra) e um ukelelê. O artista continua cantando o seu amor pela vida em canções como Pensando em Você, A Seta e o Alvo, A Idade do Céu, Lágrimas de Diamantes, Último Dia,Tudo Novo de Novo, Namora Comigo, Somente Nela, Admito Que Perdi, Relampiano, Quantas Vidas Você Tem?, Sem Dizer Adeus,Muito Pouco…

No altar dos nomes da MPB está cravado o de Paulinho Moska, sem dúvida. E ele nos brinda ainda com duas regravações que fez para as trilhas das novelas “Império” (Enrosca, de Guilherme Lamounier) e “Sete Vidas” (Terra, de Caetano Veloso). Tem também músicas do disco gravado com Fito Paez. Pura poesia com cenário in-crí-vel.

Fonte: Heloisa Tolipan